A Riqueza Simbólica produzida pelo Movimento Roqueiro dos anos 80 * The Symbolic Wealth produced by the Rock Movement in the 80’s

GUSTAVO DOS SANTOS PRADO

Resumo


A música, enquanto fonte de pesquisa, proveniente da vulcanização dos postulados teórico-metodológicos da História Cultural, coloca no cenário acadêmico, uma série de possibilidades, desafios e riscos, provenientes de seu caráter amplamente subjetivo. Notadamente, tal fonte necessita de um diálogo interdisciplinar, para prover um processo de historicidade profícuo. Visando contribuir nesse debate, o artigo em questão, utiliza-se da semiótica como mecanismo de tal interlocução, na tentativa de discutir os símbolos criados pelo movimento roqueiro dos anos 80, levando em consideração a letra e o conjunto melódico. Espera-se, que a proposta provoque inquietações, resoluções e irresoluções, fulcrais para o desenvolvimento científico.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18223/hiscult.v1i1.404


 

Licença Creative Commons A Revista História e Cultura, ISSN: 2238-6270, Franca, SP, Brasil, está licenciada sob uma Licença Creative Commons