A armadilha de Padura: as verdades em detrimento de um suposto historicismo * La trampa de Padura: las verdades en detrimento de un supuesto historicismo

Bruna Tella Guerra

Resumo


O texto que vem a seguir procura pensar a literatura do cubano Leonardo Padura não como mero instrumento de acesso à História, como alguns críticos fizeram. Aqui, tentarei argumentar que por meio de suas escolhas e construções estético-literárias é possível chegar a determinadas verdades, que nada mais são que pontos de vista para se olhar o mundo. Para isso, utilizarei, mais especificamente, dois aspectos da literatura de Padura: a referência à literatura policial do estilo hard-boiled e a perspectiva humanizada na construção dos personagens.

 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18223/hiscult.v5i2.1918

 

Licença Creative Commons A Revista História e Cultura, ISSN: 2238-6270, Franca, SP, Brasil, está licenciada sob uma Licença Creative Commons