Comentários do leitor

COMO PARAR DE FUMAR DEFINITIVAMENTE

por cristina silva rcs (2018-11-12)


As Conseqüências Do Tabagismo Para O Organismo Humano Largue este vício para sempre, veja dicas para parar de fumar de um jeito mais fácil, assim você consegue abandonar cigarro, melhorar sua saúde e economizar um bom dinheiro. A cada ano, segundo organização mundial da saúde, cigarro mata mais de 5 milhões de pessoas em todo mundo. Essa preocupação encontra respaldo pelo fato de que fumo é um dos fatores de risco mais importantes para a deterioração do estado de saúde e está associado ao desenvolvimento de doenças respiratórias, cardiovasculares e neoplásicas(15). Com dados estatísticos tão graves e por observarmos, como profissionais de saúde, grande número de internações por usuários hipertensos tabagistas, decidimos investigar a incidência de pare de fumar hipertensos fumantes inscritos no programa HiperDia na Unidade Básica de Saúde Nova Brasília no município de Jí-Paraná, bem como as conseqüências do hábito de fumar para sua saúde. Alguns exemplos de comportamentos que em geral as pessoas gostariam de modificar são: vicio de fumar, alcoolismo, comer em excesso, hábitos alimentares, medo de falar em público, atividade física, programa de estudo, mudança profissional, relacionamentos afetivos, relacionamentos profissionais, atitudes inadequadas, cuidados pessoais, organização e tantos outros hábitos que desejariam que fossem diferentes, mas que não conseguem modifica-los. Diagnóstico tardio, realizado quando os pacientes já apresentam uma maior gravidade da obstrução ao fluxo aéreo, e sintomas respiratórios mais acentuados e exacerbações freqüentes, resultam em tratamentos mais caros para sistema de saúde, maiores repercussões no estado de saúde e na capacidade funcional dos portadores da doença e inúmeras hospitalizações desses pacientes. COMO PARAR DE FUMAR EM 5 DIAS método VONTADE DE FUMAR ZERO já ajudou milhares de pessoas retirando todas abstinência do cigarro,deixando você como nasceu sem nenhuma vontade de fumar. Essa tendência é grave, pois as mulheres, além da responsabilidade biológica de gerar filhos, convivem com eles intensamente até a adolescência, fazendo-os fumantes passivos e levando-os a encarar ato de fumar como um comportamento social aceito. A maioria das pessoas podem controlar seu peso com maior facilidade do que conseguem controlar hábito de fumar. Um estudo feito pela Universidade de Miami com fumantes durante 12 semanas comprovou que que no final do teste, 60% das pessoas que treinaram Tai Chi Chuan três vezes por semana, em torno de uma hora cada, largaram vício. mais importante é que você entenda que seu cérebro está tomando decisões a todo momento seja baseado na sua vontade, seja baseado na vontade dos seus pais, cônjuges, líderes religiosos, enfim se você dominar poder da decisão na sua vida, vai ter a vida que sempre quis. Pesquisas mostram que, a maioria das pessoas começa a fumar muito jovens, por influência da mídia, pais e amigos, passando a serem dependentes do tabaco, que torna a dependência muito mais difícil de ser interrompida (FILHO, 2006). De acordo com Rosemberg (1994), podemos identificar diversos resultados, dentre eles, os fumantes precisam ser ajudados a abandonar tabaco porque, quanto mais cedo deixarem de fumar, sofrerão menos malefícios e a sua vida se prolongará. Segundo Banco Mundial, consumo do fumo gera uma perda mundial de 200 bilhões de dólares por ano, representados por: sobrecarga do sistema de saúde com tratamento das doenças causadas pelo fumo; mortes precoces de cidadãos em idade produtiva; maior índice de aposentadoria precoce; faltas ao trabalho de 33 a 45% a mais; menor rendimento no trabalho; mais gastos com seguros; mais gastos com limpeza, manutenção de equipamentos e reposição de mobiliários; maiores perdas com incêndios; redução da qualidade de vida do fumante e de sua família. Através de procedimentos dirigidos e controlados, fumante deve suportar momentos passageiros de dificuldades, resultantes da readaptação dos neurônios a quantidades cada vez menores de nicotina no sangue, até a sua eliminação total, quando não fumar mais.