O SUICÍDIO E FAMÍLIA – ANÁLISE DAS REPERCUSSÕES NAS RELAÇÕES SOCIAIS

Ana Paula Moreira, Rafael Bozzo Ferrareze

Resumo


O suicídio é algo complexo, carrega uma influência negativa é um campo pouco dominado, mesmo sendo amplamente discutido e pesquisado por profissionais
das mais diversas áreas das ciências sociais e humanas. Nesta pesquisa sobre o suicídio buscamos responder alguns questionamentos e reflexões acerca do tema suscitados na prática profissional de assistente social e nos estudos sobre as práticas junto à família. Este estudo partiu da análise de um caso específico de suicídio seguido de abuso sexual de criança. Perguntamo-nos sobre as motivações e refletimos sobre os impactos do fenômeno na dinâmica familiar e social, reiterando a simbologia do poder da sociedade perante as atitudes e comportamentos do indivíduo. Neste sentido o suicídio é apresentado como autopunição e na impossibilidade de reconstrução das suas relações sociais diante de seus atos.


Palavras-chave


Suicídio. Família. Relações Sociais.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


eISSN: 2176-0896

Locations of visitors to this page