A CENTRALIDADE DO TRABALHO: DESAFIOS DA LEI DE COTAS PARA INCLUSÃO SOCIAL DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Isabel Maria Miranda Rodrigues, Maria Raimunda Chagas Vargas Rodriguez

Resumo


Este artigo analisa questões relacionadas à Lei n° 8.213, conhecida como a Lei de Cotas. Apesar das discussões a respeito da lei, em propiciar de fato a inserção de um número cada vez maior de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. A impossibilidade do acesso ao trabalho pode gerar fragilidades, bem como a privação de sua condição de ser social. Há a necessidade do desenvolvimento de políticas públicas mais efetivas que assegurem a inclusão social, inclusive com equidade de oportunidades. As indagações feitas nesta pesquisa procuram demonstrar se há de fato uma centralidade do trabalho na vida destes indivíduos.


Palavras-chave


Lei de Cotas. Inclusão Social. Pessoas com Deficiência. Centralidade do Trabalho.

Texto completo:

PDF


eISSN: 2176-0896

Locations of visitors to this page